Subscribe:

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Por que 666 é o Número da besta-diabo?

Na Bíblia o número 6 é tido como imperfeito e antagônico ao bem 
A explicação mais conhecida está no Apocalipse, o último livro da Bíblia, apesar de metade das pessoas terem tomado conhecimento do número por meio do Iron Maiden. Encontra-se  no capítulo 13, versículo 18 da Bíblia na seguinte passagem: “Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis”. Os teólogos Isidoro Mazzarolo e Leomar Brustolin ajudam a interpretar o trecho, a fim de entender o significado do famoso número satânico.
Primeiramente, o trecho bíblico diz que o número 666 é o número de um homem. Segundo Brustolin, que coordena o curso de pós-graduação da Faculdade de Teologia da PUCRS, o homem ao qual o autor do se refere é César Nero. Nero foi um dos imperadores de Roma que mais perseguiu os cristãos. Por isso, os adeptos do cristianismo passaram chamar o imperador de “besta”. Para que não fossem reprimidos por afrontar Nero, resolveram usar uma espécie de código para se referir ao tirano. Os fiéis relacionaram as letras hebraicas que formavam o nome do imperador a números.
“No alfabeto hebraico, esse nome (César Nero), em número, vai dar 666”, diz Brustolin. O teólogo Isidoro Mazzarollo acrescenta que o Apocalipse não quis atingir somente Nero, mas todos os imperadores perversos. “Qualquer rei que seja mau, qualquer déspota que seja mau, é, de fato, uma besta para o autor do Apocalipse”.
             
Além disso, há uma simbologia do cristianismo que atribui significados a todos os números. Dentro dessa simbologia, Brustolin explica que o número seis foi, por diversas vezes, citado na Bíblia como o número imperfeito e antagônico ao bem. O fato de estar repetido três vezes significa a plenitude. The Number of the Beast, de fato.

Para se ter uma ideia melhor 7 é o número perfeito. Pertence a Deus e, portanto, simboliza o ideal divino. Seis é símbolo daquilo que não alcança a divindade. É símbolo do humano. Aproxima-se do número sete, mas nunca poderá alcançá-lo. Existe um abismo enorme entre o homem - identificado com o número seis da imperfeição - e o seu Criador, identificado com o número sete, completo e perfeito.
Via: super.abril

3 comentários:

Valter Amorim disse...

Oi amigão, Mesmo que as pessoas sejam, chipadas, esse aparelho não pode controlar o livre arbítrio das pessoas, na verdade, a Marca da Besta está relacionado ao próprio Cristianismo político.

- O Número da Besta, a Imagem e Marca – As diferenças !

http://aquariuspage.blogspot.com.br/2013/11/o-numero-da-besta-imagem-e-marca.html

Fica aqui meu link, para a pesquisa, abração !

Carlos Alberto Dias disse...

Olá você não espera que as pessoas vão acreditar nisto não é mesmo, desculpa a franqueza, mas acredito que sua intuição é simplesmente denegrir Jesus Cristo, desculpa mais uma vez mas acho que você é Anticristão.

Carlos Alberto Dias disse...

Não aceita críticas meu amigo, só você é o dono da verdade

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...